O 4º Simpósio Brasileiro de Construção Sustentável confirma a presença de especialistas

Evento abre inscrições e será realizado nos dias 4 e 5 de agosto, sob o tema
“Papel da Construção Sustentável no Desenvolvimento das Cidades”

Promovido pelo CBCS – Conselho Brasileiro de Construção Sustentável, organização que reúne lideranças empresariais, pesquisadores, consultores e especialistas do setor, o SBCS11 – 4º Simpósio Brasileiro de Construção Sustentável terá como tema o “Papel da Construção Sustentável no Desenvolvimento das Cidades”, ampliando o debate da sustentabilidade em três diferentes escalas: o espaço urbano, os edifícios e a inter-relação entre as unidades na edificação de um espaço urbano qualificado.
A partir do resultado e experiência das três últimas edições, a realização do SBCS11 tem por objetivo discutir formas de avançar na sustentabilidade e qualidade aos espaços urbanos. E trazer para debate a estrutura física das cidades que determina a qualidade de vida dos habitantes que pode ser expressa por meio do microclima, do consumo energético, da gestão de água e de resíduos, na capacidade de adaptação aos eventos climáticos, na garantia da saúde pública e segurança dos habitantes.
Para tratar do tema Inovação e Realidade: iniciativas, experiências e o negócio no contexto da sustentabilidade já estão confirmadas, para o primeiro dia, 4 de agosto, as presenças de alguns especialistas do setor da construção sustentável, como o professor da Escola Politécnica da USP e coordenador do Comitê Técnico de Materiais do CBCS, Vanderley M. John, que vai abordar como novas aplicações e inovações em materiais já existentes podem contribuir para soluções na construção civil; e do pesquisador do Instituto de Pesquisas Tecnológicas, Sergio Ângulo, que vai discutir sobre as dificuldades das empresas da construção civil e fabricantes de materiais no atendimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos.
Encerrando as atividades do dia, o evento contará com exposições de concursos e palestras empresariais que analisará o ciclo de vida dos produtos, com a apresentação de cases de sucesso. O setor cimentício, estará representado pela Holchim Brasil; no de argamassas, pela Saint Gobain Weber Quartzolit, por Paul Houang; no siderúrgico, por Lucila Caselato, gerente de Meio Ambiente do IABr – Instituto do Aço Brasil; e no setor de insumo de água, por Paulo Massato Yoshimoto, diretor Metropolitano da Sabesp. Outros assuntos também serão abordados, como a sustentabilidade na construção de agências bancárias, com Leonardo Batalha Ornellas, e sobre a experiência do Selo Casa Azul, com Mara Luísa Alvim Motta, ambos da Caixa Econômica Federal. Para discutir sobre a gestão de resíduos em canteiros de obras, foi convidado Alexandre Britez, gerente de Qualidade e Desenvolvimento Tecnológico da Cyrela.
Já no dia 5 de agosto, abre o Painel 1, Integração entre projetos de grande escala e o espaço urbano, o professor da Universidade de Tóquio, Japão, Cheng-Li Cheng, que vai tratar sobre a Gestão de água em regiões metropolitanas, o impacto da inserção de projetos de grande escalas e a visibilidade de sistemas de água não potável.
Para discutir sobre Qualidade de vida no espaço urbano, o Painel 2 terá a participação do professor da Faculdade de Medicina da USP, Paulo Saldiva, que vai explicar sobre o impacto das metrópoles na saúde e a qualidade de vida da população; do professor de Engenharia Ambiental EESC – USP, Tadeu Fabrício Malheiros que vai apresentar os indicadores que relacionam o meio ambiente e a saúde pública no ambiente metropolitano; e da professora na LSE- London School of Economics and Political Science) e Núcleo de Estudos da Violência da USP, Nancy das Graças Cardia, que abordará a gestão da segurança nas metrópoles e como o desenho urbano contribui para a garantia de segurança.
Já no Painel 3, que abordará a RIO+20 e a Construção sustentável, estão confirmadas as participações de André Corrêa do Lago, diretor do departamento de Meio Ambiente e Temas Especiais, que tratará das mudanças climáticas – o papel do setor de construção civil e as iniciativas e ações brasileiras para adaptação urbana às mudanças climáticas no setor; e de Sérgio Besserman Vianna, presidente da Câmara Técnica de Desenvolvimento Sustentável da prefeitura da cidade do Rio de Janeiro, que falará sobre as mudanças climáticas e o viés econômico em construção civil, na sociedade e o impacto econômico das mudanças climáticas: desafios, riscos e custos envolvidos para o setor.

Inscrições e informações para o
SBCS11 – 4º Simpósio Brasileiro de Construção Sustentável:

e-mail: faleconosco@sbcs.net.br
telefones: 11-4191.0665; 11-3869.0791 ou 11-6339.1925
site SBCS11: http://www.sbcs.net.br
site CBCS: http://www.cbcs.org.br

SBCS11 – 4º Simpósio Brasileiro de Construção Sustentável
Datas: dias 4 e 5 de agosto, quinta e sexta-feira
Horário: das 14h às 18h30 (dia 4 de agosto) das 8h às 18h (dia 5 de agosto)
Local: WTC – Avenida das Nações Unidas, 12551. São Paulo.

INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA:
ALZIRA HISGAIL
ANNA KARINA SPEDANIERI
(55.11) 3675.0809 (55.11) 9292.9126
http://www.ateliedetextos.com.br atelie@ateliedetextos.com.br