Novo relatório mostra os desafios e oportunidades para o desenvolvimento sustentável rumo à Rio+20 e além.

Ao passo que o mundo chega ao marco de 7 bilhões de pessoas, o novo relatório do PNUMA mostra as mudanças que o meio ambiente vem sofrendo nas últimas duas décadas
Nairóbi, 01 de novembro de 2011 – As mudanças ambientais que tomaram conta do planeta nos últimos 20 anos são destaque em uma nova compilação de dados estatísticos realizada pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), divulgada hoje em um relatório intitulado “Keeping track of our changing Environment : From Rio to Rio +20” (De olho no meio ambiente em mutação: Do Rio à Rio+20).
O relatório é parte da série GEO-5 (Panorama Ambiental Global – 5) do PNUMA, o documento de maior autoridade da ONU sobre o estado, as tendências e perspectivas do meio ambiente global. O relatório completo será lançado em Maio de 2012, um mês antes da Conferência Rio+20 que acontecerá no Brasil no ano que vem.
O Subsecretário Geral da ONU e Diretor Executivo do PNUMA, Achim Steiner, lembrou que “Hoje termina o prazo para os governos, empresas e a sociedade civil apresentarem as suas observações sobre como a Rio +20 pode alcançar um resultado de transformação quanto à aceleração e intensificação do desenvolvimento sustentável para um mundo de sete bilhões de pessoas”.
“O relatório nos leva de volta ao nível básico, destacando desde o rápido acúmulo de gases de efeito estufa até a erosão da biodiversidade e o aumento de 40 por cento no uso dos recursos naturais — mais rápido do que o crescimento da população global. Mas o relatório também mostra o modo como, quando há uma reação, é possível alterar drasticamente a trajetória de tendências perigosas que ameaçam o bem-estar humano — as iniciativas para acabar com produtos químicos que prejudicam a camada de ozônio compõem um exemplo vivo e poderoso”, acrescentou.
Através de dados, gráficos e imagens de satélite, o relatório do PNUMA oferece uma ampla gama de informações sobre uma série de questões-chave: população, mudanças climáticas, energia, eficiência no uso de recursos, florestas, segurança alimentar, uso do solo e água potável; com exemplos que vão desde o derretimento de geleiras no oceano Ártico até as novas tendências no uso de energia.
Os autores do relatório apontam que a falta de dados sólidos e sistemas de monitoramento para medir o progresso continuam a ser um dos obstáculos para alcançar os objetivos ambientais fixados pela comunidade internacional. O estudo mostra as peças que faltam no nosso conhecimento sobre o estado do ambiente e solicita que esforços globais promovam uma coleta de dados cientificamente credíveis para o monitoramento ambiental.
A Cúpula Eye on Earth, a ser realizada em Abu Dhabi no próximo mês, representa uma oportunidade onde cientistas, decisores políticos e governos vão trabalhar juntos para definir os principais desafios e soluções relacionados com o acesso e o compartilhamento de dados ambientais.
Clique aqui para ler a versão completa do press release (em inglês)
Notas aos Editores:
Cúpula da Terra: Em 1992, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, popularmente conhecida como Cúpula da Terra – Rio 92, foi convocada no Rio de Janeiro para abordar o estado do ambiente e o desenvolvimento sustentável. O encontro rendeu vários acordos importantes, incluindo a Agenda 21, um plano de ação adotado por mais de 178 governos para enfrentar os impactos humanos sobre o meio ambiente a nível local, nacional e global, bem como tratados fundamentais sobre as mudanças climáticas, a desertificação e a biodiversidade. Em junho de 2012, será realizada a análise desses progressos na Rio +20.
Cúpula Eye on Earth (Abu Dhabi / 12-15 de dezembro de 2011): Facilitada pela Iniciativa Global de Dados Ambientais de Abu Dhabi (AGEDI) e hospedada pela Agência Ambiental de Abu Dhabi (EAD) em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA). A cúpula Eye on Earth vai intensificar os esforços existentes para encontrar soluções globais unificadas para os problemas que impedem o acesso a dados e informações sobre o meio ambiente. Mais em: http://www.eyeonearthsummit.org/

O relatório GEO – 5, Keeping Track of our changing environment, pode ser acessado no site http://www.unep.org/GEO/pdfs/Keeping_Track.pdf

(em inglês)

Para maiores informações, favor contatar:

Nick Nuttall, Diretor Interino de Comunicação e Porta-Voz do PNUMA
Tel. +41 795 965 737 ou +254 733 632 755
e-mail: nick.nuttall@unep.org

Shereen Zorba
Chefe do Centro de Notícias do PNUMA
Tel. +254 788 526000,
e-mail: unepnewsdesk@unep.org